Pela defesa do respeito à liberdade

JOGO RÁPIDO

Existem 489 registros. Página 1

A visibilidade seletiva do estupros e assassinatos de mulheres e meninas em Porto Alegre (31/8/2016)
Telia Negrao
Assassinato em Porto Alegre de garota de 15 anos, após ser estuprada e esfaqueada no pescoço, é mais uma vítima do femicídio, a maioria jovens, negras e pobres

São Paulo tem a primeira delegacia da mulher com atendimento 24 horas (24/8/2016)
Folha de S.Paulo
A primeira delegacia com atendimento 24 horas especializado e multidisciplinar às mulheres vítimas de violência já começou a funcionar em São Paulo

Abortos são suspensos nas clínicas Marie Stopes, na Inglaterra (24/8/2016)
The Independent
Abortos cirúrgicos em mulheres e meninas menores de 18 anos vulneráveis ​​foram suspensos em clínicas Marie Stopes International (MSI), um dos provedores de aborto líderes do Reino Unido. A suspensão segue uma inspeção não anunciada pela Comissão...

17 países relatam casos de microcefalia por zika (22/8/2016)
Folha de S.Paulo
Depois de meses de dúvidas sobre a ligação entre vírus e má-formação,17 países já registram casos de microcefalia associada ao zika, diz a OMS.

Violência obstétrica e o viés racial (18/8/2016)
Emanuelle Goes
As mulheres sofrem violência tanto no parto, quanto na situação de abortamento, principalmente se for mulher negra jovem de periferia.

Uma iniciativa denuncia a falta de mulheres na mídia espanhola (29/7/2016)
El Pais
Pesquisa inédita mostra que poucas mulheres dão opinião à mídia espanhola.

São Paulo luta como uma mulher (29/7/2016)
El Pais
Esta cidade, marcada pela diversidade e desigualdade, tem um momento de efervescência do movimento feminista

Vivemos na realidade do medo, diz moradora sobre assédio a mulheres em favela do Rio (11/7/2016)
Thaís Cavalcante para BBC | Thaís Cavalcante é moradora da Favela da Maré e coordenadora do jornal comunitário O Cidadão.
Sou nascida e criada na favela da Maré, na zona norte do Rio. A quantidade de assédio que sofremos na favela pode parecer surpreendente aos olhos dos outros, mas para quem vive no dia a dia, não é.

A Legalização do Aborto e o Feminismo: amanhã vai ser outro dia (11/7/2016)
Luciana Boiteux para Agora é que são elas | Luciana Boiteux é Professora de Direito Penal e Criminologia da Faculdade Nacional de Direito da UFRJ.
Até a segunda metade do século XVIII não se questionava juridicamente a exclusiva decisão da mulher de interromper a gravidez. Surpreendentemente, foi com o Iluminismo que isso mudou, após os anatomistas terem publicado os primeiros tratados com desenhos...

Acabar com debate sobre gênero nas escolas brasileiras é ‘retrocesso perigoso’, diz parceiro da ONU (8/7/2016)
Tatiana Moura | Tatiana Moura é diretora do Instituto Promundo
Em entrevista à Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO), a diretora do Instituto Promundo, Tatiana Moura, fala sobre a importância de discutir os papeis de homens e mulheres na sociedade para promover a igualdade de gênero...


1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 Próxima
Páginas: 49

ASSUNTOS MAIS PROCURADOS

JUNTE-SE A NÓS

SAIBA MAIS